Por favor utiliza este link para citar o compartir este documento: http://repositoriodigital.academica.mx/jspui/handle/987654321/280064
Título: A constituição social da mente: (re)descobrindo Jerome Bruner e construção de significados
Palabras clave: Psicología
mente
psicologia cultural
produção de significados
Editorial: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Descripción: Este artigo tem por objetivo analisar como a mente se torna social, à luz das idéias de Bruner e frente às idéias de Valsiner. Bruner entende a mente como criadora de significados e busca compreender a interação através da qual a mente constitui e é constituída pela cultura. Propõe uma psicologia interessada na ação e seu caráter situacional, assim como nas formas em que os seres humanos produzem significados nos contextos culturais. As pessoas, para Bruner, são resultado do processo de produção de significados, realizado com o auxílio dos sistemas simbólicos da cultura. O artigo aborda os temas centrais discutidos pelo autor para fundamentar tais pressupostos. Valsiner aparece como um estudioso contemporâneo e em evidência, cujas premissas reivindicam mudanças, principalmente nas pesquisas em Psicologia do Desenvolvimento, semelhantes àquelas apresentadas por Bruner há 50 anos. Estas discussões tornam-se relevantes nos espaços da Psicologia , especialmente aqueles relacionados à pesquisa e à Educação.
Other Identifiers: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=26180318
Aparece en las Colecciones:Estudios de Psicologia

Archivos de este documento:
No hay archivos asociados a este documento.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.