Por favor utiliza este link para citar o compartir este documento: http://repositoriodigital.academica.mx/jspui/handle/987654321/276857
Título: Observações sobre o behaviorismo teleológico: parte I
Palabras clave: Psicología
Predicações psicológicas
Categorias psicológicas
Behaviorismo
Behaviorismo teleológico
Rachlin
Mentalismo
Comportamento
Perspectiva molar
Mereologia
Editorial: Universidad Veracruzana
Descripción: De acordo com o behaviorismo teleológico de Rachlin, as categorias psicológicas ordinárias desempenham suas funções básicas (nomeadamente, de explicar e predizer comportamentos) pela designação de padrões molares de comportamentos manifestos e exemplificados pelo organismo inteiro. Esta abordagem é discutida no presente trabalho, dividido em dois artigos, cujo objetivo geral é apoiar com argumentos complementares algumas das teses de Rachlin, mas também levantar algumas objeções à sua perspectiva. Ou seja, procura-se distinguir, de um lado, o que é plausível nessa perspectiva e, de outro, o que merece ser revisto nela. O âmbito dos argumentos (e objeções) oferecidos neste primeiro artigo ou parte do trabalho concerne, em especial, à mereologia (a lógica das partes e do todo) das categorias psicológicas ordinárias e às condições de verdade de algumas delas. As observações aqui feitas são baseadas em algumas contribuições de autores tais como Wittgenstein, Bennett e Hacker, Ryle e Skinner.
Other Identifiers: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=274527603007
Aparece en las Colecciones:Acta Comportamentalia: Revista Latina de Análisis de Comportamiento

Archivos de este documento:
No hay archivos asociados a este documento.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.